A Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP) vai pedir ao conselho de disciplina a "averiguação do sucedido" quanto à anomalia do vídeoárbitro na partida entre o Desportivo das Aves e o Benfica.

"A LPFP foi hoje, durante a tarde, oficialmente informada, pelo conselho de arbitragem da Federação Portuguesa de Futebol, de uma anomalia no vídeoárbitro na partida entre o Desportivo das Aves e o Benfica. Tendo em conta esta comunicação, e por não ter tido conhecimento formal da referida anomalia após o encerramento da partida, a Liga vai solicitar ao conselho de disciplina a averiguação do sucedido", informa o organismo.

Habitualmente, após os jogos, os árbitros e os delegados entregam à LPFP o relatório do seu trabalho, sendo que, supostamente, estes factos não foram relatados nos mesmos.

A agência Lusa questionou a LPFP se foi esse o facto, mas não obteve uma resposta mais concreta.

Fonte do conselho de arbitragem da federação confirmou hoje à Lusa o envio da missiva à LPFP dando conta de que a quebra de comunicações entre o vídeoárbitro e a equipa de arbitragem, a partir dos 66 minutos do encontro, se ficou a dever a uma anomalia na base de interligação, que permite o envio de sinal áudio da equipa de arbitragem para o centro de vídeoarbitragem

Ainda de acordo com a explicação do CA, após detetada a anomalia, a equipa técnica no centro de videoarbitragem procedeu a tentativas de recuperação do sistema de comunicações, nomeadamente reiniciando-o, sem sucesso, e, posteriormente, reconfigurando-o, igualmente sem resultados.

Perante isto, as comunicações ficaram comprometidas até ao final do jogo, sendo que os testes realizados após o encontro, que o Benfica venceu por 3-1, diagnosticaram que a falha se ficou a dever à base de interligação dos sistemas dos rádios utilizados pela equipa de arbitragem, liderada por Nuno Almeida, da associação do Algarve.

No domingo, o CA da FPF já tinha confirmado, na sua conta oficial do Twitter, a quebra de comunicações a partir dos 66 minutos do jogo, acrescentando que esta falha impediu o diálogo entre a equipa de videoarbitragem e a equipa de arbitragem no terreno.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.