Luís Filipe Vieira afirma que tem tido mais momentos bons do que maus no Benfica. Em entrevista à BTV, citada pelo jornal A Bola, o presidente do Benfica afirma que os títulos têm sido momentos marcantes.

"O primeiro título de Campeão, conquistado no Bessa (em 2005). O Benfica dificilmente terá uma despedida do Porto igual àquela, com milhares de pessoas à espera da equipa; e o título que queria de forma mais intensa foi o tetra. Deu-me imenso gozo conseguir o tetra", começou por dizer.

"Todos os títulos do Benfica ficaram dentro de mim. Ao longo destes anos, tenho tido bastantes alegrias e poucas tristezas", explicou o líder 'encarnado', que não deixa passar os momentos negativos que também passou.

"Todos os momentos foram marcantes, mas os que marcaram mesmo foram as mortes de Feher e Eusébio. Com Feher estive três noites sem dormir, Eusébio soube às 5 da manhã e depois foi o que foi. O resto são títulos que foram passando. Esses foram os momentos mais marcantes pela negativa".

Com os olhos postos no futuro, o dirigente das 'águias' acredita na mais-valia que poderá ser o centro de formação do Seixal.

"O que foi feito já está, agora temos outros desafios pela frente. O Seixal vai deixar uma marca profunda porque ali vão nascer os futuros craques do Benfica. É um trabalho profundo que é obrigatório fazer, que é o Benfica ter a capacidade para começar a reter os seus jovens e com eles conquistar títulos nacionais. Temos que motivar e acompanhar os nossos jovens para concretizar este sonho de voltar aos anos em que formávamos e retínhamos no clube jogadores campeões", referiu, mostrando-se orgulhoso naquilo que é o Benfica.

"Temos feito um trabalho extraordinário, não só na vertente desportiva e das infraestruturas, mas também na vertente social. Em todas as áreas, o Benfica é um clube que todos deve orgulhar. Teremos dias menos bons, não podemos ganhar sempre, mas tudo o que se vê no Benfica em toda a organização e um dos contributos da minha passagem pelo clube, foi a coragem de personalizar o Benfica. Hoje, o clube está mais preparado e isso foi importante. Todos, pela visão que tivemos – e tudo o que está planeado ainda não está completo -, devem sentir-se orgulhosos pela marca que o Benfica é hoje",

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.