Marco Silva falou pela primeira vez sobre a sua saída do Sporting. O agora treinador do Olympiakos da Grécia deu uma entrevista ao jornal Record onde abordou a sua saída conturbada dos "leões". O técnico lamenta a forma como saiu do clube mas, por respeito ao clube e aos adeptos, não quis alongar em mais pormenores.

"Digo apenas o óbvio: é difícil entender como é que, inicialmente, alguém vê tantas razões para afastar um treinador com justa causa e, pouco tempo depois, acaba por acordar o pagamento de uma indemnização... Qualquer pessoa percebe o que estava em causa. É de lamentar, mas nem vale a pena estar a falar nesse assunto. Pelo clube e pelos seus adeptos", contou o técnico.

Além da "novela" sobre a saída do Sporting, a contratação de Jesus pelos "leões" foi outro tema quente do verão. Marco Silva diz que não ficou surpreendido com a contratação do ex-técnico do Benfica.

"Foi uma decisão do clube, apenas isso. Quanto à surpresa, para dizer a verdade, confesso que não fiquei muito surpreendido. Há sinais fáceis de entender. Basta estarmos atentos... Não tinha a certeza de nada, mas quando a notícia se confirmou confesso que não a recebi com grande surpresa", confessou.

Ainda na mesma entrevista ao Record, o agora técnico do Olympiakos deixou no ar a ideia que teve pouca influência nas contratações que o Sporting fez para 2014/2015.

"Quando estamos no projeto, e o aceitamos livremente, está aceite e ponto final. Depois não adianta estar a dizer isto ou aquilo. Foi como foi. Trabalhámos o melhor possível e, felizmente, no capítulo individual até conseguimos projetar alguns jogadores. Conseguimos ter um Paulo Oliveira, um Cédric, um Adrien e um João Mário a tornarem-se internacionais A e numa conjuntura diferente daquela que existe este ano. Não é por acaso que dos 13 ou 14 jogadores que contratámos no ano passado, tu olhas para o plantel que está lá este ano e vês dois desses jogadores: o Paulo Oliveira e o Jonathan. As coisas são como são", atirou.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.