O Marítimo, da I Liga portuguesa de futebol, venceu sábado o Celta de Vigo por 1-0, em jogo de preparação, disputado no Funchal, graças a um golo de Rorigo Lindoso, que já havia marcado ao Las Palmas.

A formação espanhola até foi mais dominadora na primeira parte, mas foi fo Marítimo a melhor oportunidade. Estavam decorridos 20 minutos, quando Yoel com uma grande defesa negou o golo a Igor Rossi, após um livre de Artur e uma assistência de Danilo Pereira.

O Marítimo mostrava algumas dificuldades para travar a criatividade de Nolito e do dinamarquês Krohn-Dehli e a maior velocidade e agressividade patenteada pelos espanhóis, mas sempre que estava na posse da bola, procurava explorar a velocidade dos seus homens mais adiantados.

Com José Sá a alternar o mau, mormente no jogo com os pés, com o bom, como atestam as defesas a remates de Khron-Dehli (11 minutos) e Nolito (45), o intervalo chegou com o “nulo”, também porque um remate de Hugo Mallo (40) saiu rente ao poste.

A segunda parte voltou a ter uma boa intensidade competitiva, sendo os madeirenses os primeiros a criar perigo, aos 51 minutos, por Rodrigo Lindoso.

O jogo mantinha a mesma matriz da primeira parte, com o Celta de Vigo a assumir mais o jogo e o Marítimo a procurar o contra-ataque. Aos 60 minutos, Augusto obrigou Wellington a defesa apertada, para na resposta, quatro minutos volvidos, ser a vez de Yoel negar o golo a Artur.

Com o passar dos minutos, o Marítimo melhorou a sua produção, o que acabou sendo consubstanciado no golo de Rodrigo Lindoso. à passagem dos 65 minutos.

O Marítimo empolgou-se e, aos 70 minutos, na cobrança de um livre, Rúben Ferreira enviou a bola à barra.

O Celta de Vigo reagiu e colocou muitos problemas, mas o Marítimo podia ter ampliado a vantagem, já nos instantes finais, por intermédio de Heldon.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.