Moretto abriu o coração para falar da sua ida para o Benfica. O guarda-redes brasileiro contou a ABola TV os contornos da sua transferência do Vitória de Setúbal para o Benfica, a intromissão do FC Porto e os mementos, os bons e os maus, de Águia ao peito.

"Houve aquela polémica com o FC Porto e Benfica. Na altura cheguei a ir ao Dragão, tinha um pré-acordo com o FC Porto mas sempre disse que queria o Benfica. Foi quando o presidente Vieira tomou a frente do assunto", conta, Moretto, que lamenta não ter tido tempo de mostrar o seu valor na Luz

"Não tive tempo de adaptação no Benfica, vinha do V. Setúbal, outra realidade. O que eu passei no Benfica não desejo a ninguém. Assim que aquecia começavam os assobios dos adeptos. Era uma cobrança diária", sublinhou o brasileiro.

Mas nem tudo foi mau na Luz. Moretto recorda de um grande momento, nos quartos-de-final da Liga dos Campeões frente ao Barcelona.

"O penálti defendido a Ronaldinho Gaúcho, o jogo com o Barcelona onde fiz grandes defesas e também cometi erros que me marcaram para sempre. Cheguei ao balneário e pensei: caramba, se tivesse sido diferente...", confidenciou o brasileiro à Abola TV.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.