O presidente do FC Porto, Jorge Nuno Pinto da Costa, esteve, esta terça-feira, na cerimónia de entrega do certificado FIFA Medical Centre of Excelence à Clínica Espregueira-Mendes, no Estádio do Dragão, e foi confrontado com o assunto sobre o penálti favorável ao Benfica sobre a Académica, que valeu a vitória aos encarnados na última jornada da I Liga.
«Deve ter sido alguma coisa especial por me estarem a fazer essa perguntar. Mas não posso comentar porque não vi. Mas se me está perguntar é porque foi algo especial», disse o dirigente portista.
Sobre a renovação do contrato de Vítor Pereira no comando técnico do emblema portista, Pinto da Costa explicou que «hoje não é dia para falar dessas coisas». No entanto, o presidente garantiu estar satisfeito com o trabalho do atual treinador.
«Se não estivesse agradado é porque havia alguma coisa de anormal em mim», referiu.
A partir das 19h45, o FC Porto joga a primeira mão dos oitavos de final da Liga dos Campeões, contra os espanhóis do Málaga.
«Significa que vencemos e isso é importante. Toda a gente sabe que esta é a prova mais importante. Naturalmente, não vou desvalorizar a Liga Europa, porque também tem lá grandes clubes, outros nem sequer lá chegaram, como é o caso do Manchester City. A Liga dos Campeões é a grande prova do futebol mundial», analisou.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.