Na zona de entrevistas rápidas, o jogador do Estoril, que já representou o Benfica, reconheceu que foi difícil contrariar a maior qualidade do Benfica.

«Não conseguimos contrariar um poderosíssimo Benfica. A derrota não abala e vamos pensar já no próximo jogo, para atingir o mais rápido possível o nosso objetivo. O Estoril nunca vira a cara à luta, tentámos sempre remar contra a maré do jogo, mas o Benfica foi muito mais forte», adiantou.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.