O Olhanense venceu no terreno do Beira-Mar por 2-1, aproveitando a ineficácia aveirense, em jogo da 30.ª e última jornada da Liga portuguesa de futebol.
Jander, aos 34 minutos, e Dady, aos 55, marcaram os golos da vitória da formação treinada por Sérgio Conceição, enquanto os aveirenses reduziram aos 77 minutos com um golo do recém-entrado Nildo.

O conjunto de Aveiro entrou melhor na partida e criou as melhores oportunidades de golo, com destaque para a "arrancada" de Serginho aos 27 minutos, que fintou vários adversários e rematou colocado, obrigando Fabiano a desviar para canto.

Apesar da pressão dos "aurinegros", foram os forasteiros que inauguraram o marcador ao minuto 34, com um remate de longe de Jander a surpreender o guardião Rui Rego, que fica com muitas culpas no lance.

O Beira-Mar não conseguiu esboçar reação perante a desvantagem e foi a formação algarvia que dilatou o resultado, ao apontar o 2-0 por intermédio de Dady, que correspondeu da melhor forma a um cruzamento na linha de Agra.

O técnico da equipa da casa, Ulisses Morais, tentou imprimir maior dinâmica ofensiva na partida, trocando o defesa Joãozinho pelo médio Nildo aos 52 minutos e a aposta valeu um golo, já que o médio acabou por marcar 25 minutos depois.

Os aveirenses galvanizaram-se e procuraram dar a volta ao marcador, mas o Olhanense não se desconcentrou e "segurou" o triunfo, mesmo terminando a partida a jogar com 10, após a expulsão de Maurício por acumulação de amarelos (89).

No final, o Olhanense subiu ao oitavo lugar com 39 pontos, enquanto o Beira-Mar terminou na 12.ª posição, com 29 pontos.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.