Otávio elogiou as opções de Sérgio Conceição, na vitória do FC Porto frente ao Marítimo na Madeira. O criativo brasileiro foi lançado no segundo tempo e esteve nos dois golos, marcando um e assistindo Marega para o 2-0. Na zona de entrevistas rápidas à Sport TV, o jogador elogiou a postura de todos em querer ajudar.

Veja as melhores imagens do jogo

Entrada boa no jogo: "Todos os que são suplentes quando entram dão o seu máximo. Isso é que mostra a força do nosso plantel. Isso é a força do grupo. Eles [Marítimo] estavam bem recuados. Estava difícil da bola entrar. De início, o mister optou por ter mais velocidade dos lados e eu jogo muito por dentro e consigo dar um passo ou outro e na velocidade também ganhar. Ele sabe o que faz e acaba por dar certo".

Motivação: "Nesse plantel não são só onze. Eu já joguei no onze. Hoje estive no banco e respeitei a decisão do mister. Quando eu entro é para dar o meu máximo e conseguir ajudar a equipa."

Vitória após derrota do rival Benfica: "Só nos focamos em nós. Não temos que pensar nos outros e no final vamos ver quem tem mais pontos"

O FC Porto isolou-se, este sábado, provisoriamente na liderança da I Liga portuguesa de futebol, ao vencer por 2-0 no reduto do Marítimo, em encontro da nona jornada, disputado no Funchal. O brasileiro Otávio, aos 70 minutos, três depois de saltar do banco, e o maliano Moussa Marega, aos 73, nove após desperdiçar uma grande penalidade, marcaram os golos dos portistas, face a um Marítimo que acabou com 10, por expulsão de Danny, aos 82.

Os detentores do título passam a contar 21 pontos, mais três do que o Sporting de Braga, segundo, que recebe no domingo o Vitória de Setúbal, e quatro face ao Benfica, derrotado (1-3) na sexta-feira pelo Moreirense. O Marítimo é 12.º, com 10.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.