Pedro Martins acredita que o resultado é elevado para aquilo que o Vitória de Guimarães fez.

"Uma primeira parte muito equilibrada, com muito pouco espaço de um lado e outro. O Benfica acabou por se colocar em vantagem, mas o jogo foi muito equilibrado. Na segunda parte, 25 minutos de grande nível, onde jogámos para o empate. Acho que o lance do guarda-redes do Benfica não foi muito bem ajuizado. Aquilo é para vermelho, porque o nosso jogador vai para a baliza e nao há ninguem para impedir. Acho que isso podia mudar a forma do jogo. Acabámos por sofrer dois golos por estarmos balançados para o ataque. É um resultado excessivamente elevado", referiu o técnico, que teve de mudar a estratégia de jogo.

"Tinha uma estratégia para a segunda e terceira substituição, não correu como queríamos. Tivemos também o Francisco Ramos com dificuldades mas não fomos capazes de refrescar. Foram as contigências do jogo", referiu, aproveitando para elogiar os adeptos e a sua equipa.

"Os adeptos foram incansáveis e a equipa e os jogadores deram tudo e mais alguma coisa. Foram inexcedíveis porque jogamos há pouco mais do que 72 horas e fizeram um grande jogo contra uma boa equipa".

O Benfica derrotou o Vitória de Guimarães por 3-1, em encontro da 11ª jornada do campeonato.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.