"Considero que Paulo Bento tomou uma decisão que há muito era esperada e não a estranho devido ao seu profissionalismo e à sua verticalidade. No entanto, não deveria ter sido necessário chegar a este ponto. Ele devia ter saído no final da época e teria saído pela porta grande", disse Paulo Pereira Cristóvão ao Sapo Desporto.

Contudo, na opinião do antigo candidato à presidência do Sporting outras pessoas na direcção do Sporting deviam tomar a mesma decisão: "Pedro Barbosa e outras pessoas deviam ter a mesma dignidade que o Paulo Bento teve. É muito redutor achar que ele é o único culpado".

Sobre o futuro do clube esta época, Paulo Pereira Cristóvão mostra-se confiante: "Quando o Augusto Inácio entrou fomos campeões, não há que ter medo da mudança. Vamos a eles como leões".

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.