À margem do I Simpósio Internacional Futebol Maia Jovem, onde Pinto da Costa foi homenageado, o presidente portista garantiu que não desviou Falcao, mas que os olheiros do Benfica tiveram um papel importante na sua contratação.

"Eu não desviei o Falcao, ele voa para onde quer e quis o Dragão. Eu costumo dizer que temos que dar mérito a quem o tem e não há dúvida de que os olheiros do Benfica tiveram grande mérito na vinda deste jogador para o FC Porto”, afirmou o líder dos portistas.

Pinto da Costa explicou: “Nós sabíamos do seu valor, mas não que haveria a possibilidade de ele vir para Portugal. Se não fossem as notícias da comunicação social, nós não teríamos conhecimento. Limitámo-nos a aproveitar a oportunidade", explicou.

Embora que nas entrelinhas, Pinto da Costa falou, pela primeira vez, na hipótese de Hermínio Loureiro poder vir a sair da Liga de Clubes, uma hipótese que parece ser do seu agrado.

Questionado sobre a as declarações de António Salvador, presidente do Sporting de Braga, que afirmou que caso Hermínio Loureiro fosse eleito presidente da Câmara Municipal de Oliveira de Azeméis deveria demitir-se da presidência da Liga de Clubes, Pinto da Costa foi claro: "Se isso fosse assim, eu quase que aconselhava os munícipes de Oliveira de Azeméis a votarem nele".

Ainda com o futebol português como tema de fundo, Pinto da Costa disse não estar impressionado com as goleadas do Benfica e garante que a única coisa "anormal" do campeonato é a liderança 100 por cento vitoriosa do Sporting de Braga.

"A única coisa de anormal no campeonato é a posição do Sporting de Braga, que é talvez o único clube na Europa que venceu os seis primeiros jogos. Esse é o facto surpreendente. As goleadas não me impressionam, impressiona mais que a União de Leiria tenha ido vencer 4-0 a Setúbal do que o Setúbal ter perdido na Luz por 8-1", afirmou.

O presidente portista respondeu ainda a Simão Sabrosa, que, na conferência de imprensa de antevisão ao jogo entre FC Porto e Atlético de Madrid, disse que o Benfica é actualmente a melhor equipa portuguesa.

"Eu acho que o Simão deveria ver mais os jogos do Atlético de Madrid para poder corrigir as coisas que estão menos bem e poder sair da posição delicada que está", replicou.

Pinto da Costa teve ainda tempo para falar da arbitragem portuguesa, que considera "melhor do que em muitos campeonatos europeus de primeira linha" e diz não compreender a contestação do Sporting relativamente à arbitragem do FC Porto-Sporting do último fim-de-semana.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.