Pinto da Costa apontou os jovens jogadores como uma das soluções para o futuro, no final do encontro com o Sporting de Braga, da 12.ª jornada da I Liga de futebol, que os 'dragões' venceram 1-0.

O presidente do FC Porto colocou-se ainda ao lado do treinador Nuno Espírito Santo na decisão de deixar fora dos convocados o belga Depoitre.

"Eu já disse que o caminho é apostar nos jogadores portugueses e na nossa formação e hoje (sábado) jogaram muitos portugueses e jovens da formação. É esse o caminho, não tenho a mínima dúvida. Depoitre? Quem faz a convocatória é o treinador e se entendeu assim, entendeu bem, ganhamos", referiu.

Pinto da Costa teceu ainda elogios à dupla de centrais, que contribuem para que o FC Porto tenha a das defesas menos batida do campeonato nacional.

"Era importante ganhar hoje, como é sempre importante ganhar. No início da época, diziam que o FC Porto não tinha centrais. Esta dupla, do Felipe e do Marcano, é das melhores duplas de sempre do FC Porto e do futebol português", referiu ainda.

O presidente do FC Porto não se quis alongar sobre a prestação da equipa nas competições internas, focando a atenção para a partida desta quarta-feira frente ao Leicester, para a Liga dos Campeões.

"Nós queríamos estar em todas as frentes. Na Taça de Portugal fomos postos fora não pelo futebol. De resto, no final é que se faz as contas. Para já, o importante é o jogo com o Leicester na quarta-feira", afirmou, acrescentando: "Este e o Leicester são jogos diferentes. Este resultado é importante, porque são três pontos num momento importante da época. Mas, se não tivessemos ganho este, não íamos deixar de acreditar que podíamos ganhar aos ingleses.

São provas diferentes, a única coisa em comum é que queremos ganhar todos."

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.