Em comunicado, o Sporting de Braga esclareceu que a foi solicitada ao clube «a colaboração no  sentido de fornecer uma lista de convidados para alguns jogos de futebol  realizados, tendo sido naturalmente prestadas todas as informações, como  serão no futuro no âmbito desta ou qualquer outra investigação em que seja  solicitada a colaboração».

De facto, «no dia 28 de Junho, a PJ esteve presente nas instalações do Sporting de Braga no âmbito de uma investigação que está a efectuar (…) que não implica minimamente, directa ou indirectamente» o clube.

A Britalar, empresa de construção de que António Salvador é presidente, diz serem «completamente descabidas as noticias hoje difundidas (…) sobre alegadas buscas à instalações da empresa» e que também é «completamente falso que tenham sido realizadas buscas à residência» de António Salvador.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.