O presidente do Vitória de Setúbal, Fernando Oliveira, garantiu hoje que a direcção do clube está apostada em construir uma equipa capaz de dar alegrias aos adeptos vitorianos na época futebolística 2010/2011.

“Esta direcção, como se costuma dizer na gíria, está a fazer das tripas coração para arranjar uma equipa à altura dos pergaminhos deste clube (…) para que, no ano do centenário, tenhamos um comportamento que nos encha de orgulho e satisfação a todos”, disse Fernando Oliveira, na apresentação da equipa sadina, que hoje regressou ao trabalho.

“É uma equipa rejuvenescida, é uma equipa de jogadores que não têm de mostrar nada, não têm de vir à experiência, são jogadores contratados, porque o seu valor é inquestionável”, acrescentou o dirigente sadino, procurando evidenciar as diferenças em relação ao início da época anterior, em que houve muitos jogadores à experiência no Bonfim.

O Vitória de Setúbal, que vai militar na Liga de futebol, conta já com nove reforços contratados para a época futebolística 2010/2011.

Os guarda-redes Getúlio Vargas (ex-Duque Caxias) e Diego (ex-Leixões), os defesas Anderson do Ó (ex-AEP, do Chipre), Tiago Pinto (cedido pelo Sporting de Braga) e os médios Bruno Gallo (ex-Leixões), Zé Pedro (ex-Belenenses), Zeca (ex-Casa Pia), Miguelito (ex-Belenenses) e Hugo Leal (ex-Salamanca, Espanha), foram os reforços do Vitória de Setúbal anunciados no regresso da equipa sadina.

A estes nove elementos juntam-se os jovens Moisés e Pimenta, dois jogadores que já passaram pelo clube sadino e que deverão fazer a pré-época integrados no plantel.

Da época anterior transitam Ricardo Matos (guarda-redes), Collin, François, Zarabi, Ricardo Silva, Filipe Brigues, Ruben Lima e Ney (defesas), Djikiné, Neca, Regula (médios) e Henrique (avançado).

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.