O defesa brasileiro Roberto Dias chegou hoje a acordo e rescindiu contrato com o Paços de Ferreira, depois de ter sido apresentado como "reforço", confirmou à agência Lusa fonte oficial do clube da I Liga de futebol.

Roberto Dias, de 25 anos, chegou à Capital do Móvel oriundo do Campinense e, no regresso ao trabalho dos pacenses, a 1 de julho, disse ter optado pelo projeto europeu do Paços de Ferreiras em detrimento de uma alegada proposta do Sporting.

O defesa central brasileiro alinhou em sete dos 11 encontros particulares realizados pelo Paços de Ferreira na pré-temporada, mas a contratação do francês Grégory, no final de julho, retirou-lhe espaço na equipa, num processo concluído hoje com o anúncio da rescisão do contrato.

Roberto Dias, que tinha contrato até 2015, é o segundo "reforço" do Paços de Ferreira a deixar a equipa, depois do extremo esquerdo peruano Gino Guerrero, compatriota de Hurtado.

Os dirigentes pacenses aguardam ainda a chegada do avançado Bebé, contratualmente ligado aos ingleses do Manchester United, para darem por encerrado o plantel.

O certificado internacional do brasileiro Jaílson, alternativa ao defesa direito Tony, a recuperar de uma fratura nas costelas, já deu entrada nos serviços do clube.

O futebolista cedido pelo Grémio Anápolis constitui mais uma opção para o técnico Costinha para o arranque da I Liga, marcado para sexta-feira (20h15), em Felgueiras, num jogo entre Paços de Ferreira e Sporting de Braga.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.