Paulo Bento apresentou hoje a demissão do cargo de treinador principal da equipa profissional, por entender não estarem reunidas as condições para se manter no comando técnico da equipa.

Frisando que falava na qualidade de sócio, Rogério Alves desejou a Paulo Bento "as maiores felicidades, como merece" e disse aspirar a que o Sporting "arranque agora para uma nova era de boas exibições, bons resultados e boas classificações, como o seu prestígio merece e justifica".

Questionado sobre se escolheria um treinador português ou estrangeiro para comandar a equipa de futebol, Rogério Alves esclareceu: "Teria uma preferência por um treinador nacional, mas o grande critério não é esse. Quero um que leve o Sporting às vitórias".

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.