Durante a suspensão do campeonato, Frederico Varandas, presidente do clube, referiu que Matheus Nunes acabaria por pagar a contratação de Rúben Amorim, uma pressão desvalorizada pelo treinador.

“Sobre mim não aumenta qualquer nível de pressão, até porque a pressão já é muita. Já o Matheus Nunes vai pagar uma casa à mãe , vai ajudar a família e ele só se tem de preocupar com isso e em ajudar o Sporting dentro de campo. Temos de dar tempo a este miúdo e ressalvo que é fantástico termos um presidente que acredita, e muito, nos jovens que tem na Academia“, disse, esta quarta-feira, o treinador do Sporting, em conferência de imprensa de antevisão do jogo contra o Vitória de Guimarães.

“O Matheus Nunes não mostrou qualquer sinal de ansiedade. É normal que a estreia por um clube desta dimensão possa dar alguma ansiedade, mas depois com o tempo a confiança vai acabar por surgir”, acrescentou.

O jogador brasileiro Wendel não vai estar presente para o jogo, em Guimarães, que marca o regresso do Sporting à I Liga. A garantia foi dada pelo treinador Rúben Amorim, que explicou que o médio brasileiro não recuperou do traumatismo no joelho direito.

O jogo entre o Vitória de Guimarães e o Sporting está agendado para às 21h15 desta quinta-feira, no Estádio D. Afonso Henriques, em jogo a contar para a 25.ª jornada da I Liga.

Após 24 jornadas, de um total de 34, o FC Porto lidera a competição, com mais um ponto do que o campeão Benfica (60 contra 59). O Sporting de Braga é terceiro classificado, com 46, e o Sporting segue em quarto, com 42. Rio Ave está no quinto lugar, com 38, enquanto o Vitória de Guimarães tem menos um ponto (6º), os mesmos que o Famalicão (7.º).

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.