Rui Vitória espera um Estoril a discutir o jogo, a ter posse de bola, a criar dificuldades mas sublinha que só lhe interessa ganhar. O técnico confirmou que Jonas não será convocado, falhando assim o terceiro jogo seguido.

150 jogos pelo Benfica na Amoreira. "Espero um jogo complicado, com tem sido sempre na Amoreira, frente a uma equipa que tem oscilado de rendimento. Ganhou o último jogo mas vinha de resultados negativos. Mas desde que o Ivo Vieira assumiu a equipa, o Estoril tem mostrado princípios se tem vindo a evidenciar, vai querer jogar bem, tem ideias arrumadas na forma de jogar, vai querer causar problemas, com circulação de bola porque tem jogadores de qualidade para isso.

Estratégia: "Temos de estar muito concentrados, consistentes, a defender e a atacar também, perceber os caminhos e zonas em que a equipa do Estoril pode ser mais permeável. É ir com vontade de ganhar. Hoje em dia não ha jogos fáceis. Teremos a luta pelo ponto de um lado e a luta pela vitória do outro lado".

Situação de Jonas: "O futebol é fantástico. Quando começamos a alterar o sistema [de 4-4-2 para 4-3-3], era o Jonas que não dava para o 4-3-3. Agora que o Jonas não joga... Não temos uma visão específica sobre um jogador, se não está o Jonas, estará outro. O Jonas não será convocado. Se tivermos de jogar em 4-3-3, algo que assumimos desde o jogo com o Vitória Sport Clube, faremos isso, se tivermos de ir com dois avançados também temos soluções".

O Benfica joga, este sábado (20h30) em casa do Estoril-Praia, em jogo da 31.ª jornada da I Liga.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.