Rui Vitória não acredita que o Benfica está em crise.  Na antevisão do encontro com o Paços de Ferreira, o técnico ‘encarnado’ decidiu dizer que uma crise é não conseguir ganhar títulos.

“Se há uma coisa que temos aqui é do momento que estamos a viver, e eu tenho sido o primeiro a dizer que, ao não se ganhar, ficamos tristes e a cara de quem ganha não é a mesma em que se perde. Estamos a falar de três jogos em competições diferentes, são factos, não nos tiraram dos nossos objetivos. Se me falassem em três derrotas para o campeonato ou três derrotas na Liga dos Campeões, era diferente. Agora, crise é quem não ganha há muitos anos. Em 16 títulos, ganhamos 12. Começamos a época a ganhar um titulo. Se falarmos em fase, aceito, uma crise é diferente. Agora é claro que estamos a falar de tetracampeão, uma boa equipa. Nós há dois anos jogamos contra o Super Sporting, Super Porto e acabamos por ganhar. Na época passada, também houve um grande investimento, com grandes equipas e acabamos por ganhar. O que estamos a falar é de uma fase menos boa e nós vamos ultrapassá-la”, referiu o técnico, que admitiu uma ansiedade no plantel.

“Aqui há algo que queremos muito conquistar e ainda bem que acontece em alta competição. Agora é importante termos esta noção, temos uma equipa de jogadores e treinadores com muito background destes jogos. Claro que somos humanos, mas sabemos como nos preparar para isto. Há esta ansiedade natural, mas que é compreensível e que traduzimos por uma vontade de conquistar pontos. Esta é uma equipa de jogadores a sério, de condição humana. Eles querem mostrar essa autoconfiança com a conquista de pontos”, disse, reafirmando a vontade de união do Benfica.

“Entre nós no Benfica, é uma relação tão clara que não preciso ou deixo de precisar disso. Trabalhamos todos envolvidos num grande espirito de união, num grande sentido de amizade, há muito caracter, entreajuda, solidariedade. São daquelas coisas que estão aqui, não se consegue classificar a nível absoluto, mas sentimos. Não precisamos de referir isso como algo extraordinário porque isso é que o presidente faz do trabalho connosco todos os dias”, explicou.

O Benfica recebe o Paços de Ferreira este sábado, às 20h30, em jogo a contar para a sétima jornada da I Liga.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.