Rui Vitória afirmou que o Benfica é o justo vencedor do encontro entre os ‘encarnados’ e o Desportivo de Chaves. Na zona de entrevistas rápidas, o treinador do clube da Luz disse que o resultado foi justo e que poderia ter chegado mais cedo.

“Nós queremos é ganhar. A forma como foi só deu corpo ao nosso jogo. A bola podia ter entrado a qualquer momento que teria sido justo. As análises serão feitas com base num golo no final, mas ganhámos com muito mérito e justiça frente a uma grande equipa”.

Questionado sobre se a equipa sofreu de ansiedade com a chegada do minuto 90, Rui Vitória foi perentório a dizer que não existe esse sentimento na sua equipa, mas sim uma constante procura de materializar situações de perigo.

“Não há ansiedade. Há uma equipa que esteve sempre atras da vitória. Nós queremos é materializar em golo as jogadas que estávamos a fazer. Os que entraram corresponderam perante um bloco tao baixo como o do Chaves. É bom que fique claro que foi uma vitória justa”.

O técnico deixou ainda elogios aos seus jogadores que, na opinião de Rui Vitória, mostram o resultado dos trabalhos do dia-a-dia.

“Esta equipa tem uma alma imensa, uma determinação e acredita em si de uma forma impar. Lutar até ao fim é a nossa forma de estar. E quem trabalha como nós merece. Os jogadores dão corpo ao trabalho coletivo”.

O Benfica venceu o Desportivo de Chaves por 1-0 com um único golo de Seferovic. O tento vencedor chegou no tempo extra quando já todos pensavam num empate.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.