O treinador dos encarnados já esqueceu a goleada ao Marítimo em jogo para a Taça de Portugal, e diz que este é um encontro totalmente diferente, valorizando a qualidade do adversário.

“Tivemos um resultado expressivo há pouco tempo, mas não podemos associar as coisas. Amanhã será uma coisa diferente. Eles são uma boa equipa, amanhã será diferente. A pior coisa que podemos fazer é agarrarmos-nos a uma coisa do passado para vencer um jogo. Cada jogo tem uma história”, explicou.

Rui Vitória define o jogo como “complicado”, e desvenda que não poderá contar com Grimaldo e Eliseu.

O treinador deixou ainda uma mensagem de alento aos familiares das vítimas do acidente de avião que ocorreu na Colômbia com a equipa de Chapecoense.

“Dar uma palavra e as condolências à Chapecoense e às famílias dos atletas. Há coisas na vida muito mais importantes”, finalizou.

O Marítimo, nono classificado, com 14 pontos, recebe sexta-feira o Benfica, líder do campeonato, com 29, em jogo da 12.ª jornada da I Liga de futebol, cuja arbitragem estará a cargo de Vasco Santos, da associação do Porto.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.