David Luiz esteve esta quinta-feira no Estádio Nacional, no evento Nike Camp de que é embaixador. Confrontado com a possibilidade de ir para o Real Madrid, disse apenas que se fosse “abraçar tudo o que vem nas capas, já não estaria aqui”.

“É uma foto bonita [comentário à capa do jornal Record]! Se fosse abraçar todas as capas já tinha ido embora do Benfica, nem tinha vindo para aqui, não voltava por causa das lesões, não estaria aqui a falar com vocês, mas em casa deprimido. Sei o que tenho na minha vida, é assim que penso todos os dias”, disse.

A curto prazo o objectivo passa por ser “campeão” e mais à frente, quando terminar a carreira, quer dedicar-se ao seu projecto social.

“As pessoas que tem oportunidade de ajudar, porque não?! O principal é a educação, não só com as crianças, mas até com idosos. É um sonho na minha vida que vou realizar”, referiu o central brasileiro.

Quanto à sua visita às dezenas de miúdos que se estão a iniciar no futebol e depois de um treino pela manhã sob orientação de Jorge Jesus, David Luiz sentiu na pele a frescura dos mais novos.

“Eles correm mais do que eu! Mas tudo se faz com prazer, não custa tanto quando se faz com gosto”, sublinhou.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.