Haris Seferovic é reforço do Benfica e contou, em entrevista ao jornal A Bola, os motivos pelos quais escolheu assinar pelas ‘águias’. O internacional helvético disse que haviam outras propostas, mas que foi aconselhado a optar por Portugal.

“Tive algumas ofertas. Não vou revelar os clubes, por respeito, mas tive ofertas de Inglaterra, Itália… Houve conversas mas escolhi o Benfica, é um clube muito grande e gosto da forma como a equipa joga. O meu agente sempre me disse que era o clube certo para mim”.

Desafiado a descrever-se e a dizer como é que pretende concorrer com os atuais avançados do Benfica, Seferovic elegeu algumas características que servem como trunfos. Trabalho de equipa é um dos principais.

“Sou um lutador e dou sempre tudo pela equipa. Não sou um jogador egoísta, se tiver um companheiro melhor posicionado passo-lhe a bola. Prefiro ganhar um jogo e não marcar do que perder. É claro que gosto de marcar, mas acima de tudo gosto de ganhar. Considero-me um jogador de equipa”.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.