O treinador do FC Porto, Sérgio Conceição, assumiu hoje a responsabilidade de "ganhar os três pontos" frente ao Tondela, na sexta jornada da I Liga de futebol, mas lembrou triunfos anteriores dos viseenses.

"O Tondela, à imagem daquilo que nos habituou nestes últimos anos, é uma equipa competitiva, bem trabalhada, conseguiu no passado recente ganhar em casa de candidatos ao título, Benfica e FC Porto. Temos de estar preparados para essas dificuldades. O jogo vai depender muito daquilo que fizermos. Temos a responsabilidade de ganhar três pontos importantes para nós, é isso que vamos fazer", salientou o treinador em conferência de imprensa.

Ainda assim, Sérgio Conceição considerou que o jogo vai depender, acima de tudo, do que o FC Porto fizer dentro das quatro linhas.

"A maior parte das equipas que vêm jogar ao Dragão são equipas que se tentam organizar bem defensivamente e partir em contra-ataque. Temos de estar atentos em relação a isso. O jogo vai depender do que a minha equipa fizer", lembrou.

Com o FC Porto a fazer um arranque de época diferente do da última temporada, Sérgio Conceição explicou as dificuldades que os campeões nacionais.

"Se calhar o ano passado, tudo o que fazíamos era fabuloso, porque não esperavam nada do FC Porto ou esperavam muito pouco. Fizemos um trajeto fantástico e tudo era muito valorizado. Este ano será mais difícil. Os adversários conhecem a nossa dinâmica e temos de trabalhar outras nuances do nosso jogo para desmontar os nossos problemas contra esses adversários. Estamos a um ponto do primeiro. Não esperávamos perder com o Vitória. O futebol-champagne, futebol de cilindrar adversários é cada vez mais difícil. Pode acontecer, mas é complicado", explicou.

Na véspera da partida com o Tondela, o treinador do FC Porto revelou que Soares e Mbemba estão perto de regressar à competição e explicou a pouca utilização de Óliver Torres.

“O Tiquinho e o Mbemba estão próximos de entrar em competição. Já trabalharam de forma absolutamente normal neste último treino. Estou confiante no regresso de Tiquinho, um jogador muito importante no ano passado, e no de Mbemba, que veio ajudar, mas que teve o azar de se lesionar no primeiro treino", afirmou.

Sérgio Conceição lembrou ainda o início da época passada, período durante o qual Óliver Torres foi titular, e admitiu que o espanhol pode voltar a ser opção.

"Nunca decido em função das redes sociais. Decido em função do treino e da forma como vejo o treino. Não quero individualizar, mas posso dizer que o Óliver foi importante o ano passado dentro das características que tem. Não tem tido tanta utilização este ano, mas pode passar a ter. Respeito a opinião dos adeptos, mas baseio-me nos dias de trabalho", disse ainda.

O FC Porto joga esta sexta-feira, às 20:30, no Estádio do Dragão, com o Tondela, numa partida relativa à 6.ª jornada da I Liga de futebol.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.