Sérgio Conceição deixou uma crítica a Rui Vitória depois do triunfo por 4-2 frente ao Vitória de Guimarães.

"Sou livre, crescido e assumo a responsabilidade daquilo que digo (...) Faz-me lembrar um boneco que o meu filho tem em casa. Que não tem expressão. Que tem um botão agressivo e carrega-se para ser agressivo. Depois tem outro botão e carrego em modo padre. Eu não sou desses. Há quem seja assim.  Há quem tenha botões para se comportarem de determinada maneira em frente à comunicação social", atirou o treinador em conferência.

O técnico do FC Porto foi logo questionado se a mensagem tinha destinatário e Sérgio Conceição foi peremptório.
"Tem, tem, tem. É o Rui Vitória".

Sérgio Conceição disse ainda que concorda com Rui Vitória em relação à consulta do VAR e garante que o clima de guerrilha não é a vitamina para os seus jogadores.

"Sobre o que o Rui Vitória disse no final do derbi eu concordo. Acho que os árbitros têm que consultar muito mais o VAR. Clima de Guerrilha? Eu acho que a nossa motivação tem a ver com o trabalho e não com as mensagens de grito. O grito é importante, mas não chega. Mas aquilo que nós temos é mais do que o grito. É emoção. É realçada poucas vezes a nossa capacidade. (...) Estou a falar principalmente do trabalho dos jogadores", acrescentou.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.