O FC Porto cedeu hoje um inesperado empate (0-0) no recinto do Casa Pia e voltou a perder terreno para o comandante Benfica, em jogo da 15.ª jornada da I Liga de futebol.

Frente à equipa 'sensação' do campeonato, o FC Porto não conseguiu tirar partido do facto de os 'gansos' terem atuado toda a segunda parte com menos um elemento, expulsão de Lucas Soares por duplo amarelo, aos 45+1, e viram-se assim ultrapassados pelo Sporting de Braga no segundo lugar, ficando ainda a sete pontos do comandante Benfica.

A formação casapiana continua o seu excelente campeonato no ano de regresso ao primeiro escalão depois de 83 anos de ausência, ocupando o quinto posto da prova, com 27 pontos, a um do quarto, o Sporting.

Depois de ter vencido 3-0 na receção ao Benfica na última jornada, o Sporting de Braga prosseguiu o seu bom momento e, na quinta-feira, foi golear aos Açores o Santa Clara por 4-0, assumindo na altura o segundo lugar e reduzindo, provisoriamente, para três pontos o seu atraso para o Benfica, com o desaire a provocar a saída do treinador Mário Silva dos açorianos.

A necessitar de vencer para retomar o caminho dos triunfos e a vantagem de seis pontos para os 'arsenalistas', o Benfica, desfalcado do argentino recém-sagrado campeão do mundo Enzo Férnandez, ultrapassou no estádio da Luz, na sexta-feira, o Portimonense, com um 'magro' 1-0, mas numa partida em que dominou e podia ter vencido por uma vantagem bem mais folgada.

No mesmo dia, o Famalicão prosseguiu a sua recuperação na tabela e venceu na receção ao Vizela por 2-1, duas equipas que se encontram atualmente em posição tranquila na classificação.

Ainda hoje, e além do jogo disputado no estádio Nacional, recinto emprestado ao Casa Pia, o Vitória de Guimarães não conseguiu melhor do que um 'nulo' na receção ao Rio Ave, falhando assim a aproximação ao quinto lugar dos casapianos, enquanto, na outra partida, o Arouca venceu na receção ao Estoril por 2-0, com dois golos do palestiniano Oday Dabbagh.

A ronda completa-se no domingo com mais três partidas, com destaque para a deslocação do Sporting à Madeira para defrontar o 'aflito' Marítimo, às 18:00.

Os 'leões' têm a oportunidade de reduzir para dois pontos a sua desvantagem em relação ao FC Porto, além de não quererem ceder terreno para os dois primeiros, caso vençam a equipa insular, com o Marítimo a ver-se, por seu turno, obrigado a vencer para tentar se manter na luta pela manutenção, numa altura em que ocupa o 17.º lugar, com apenas sete pontos, a cinco do 16.º, o lugar de 'play-off', e a seis do 15.º, primeiro lugar acima da linha de descida.

Mais cedo, às 15:30, o lanterna-vermelha Paços de Ferreira, com apenas dois pontos no campeonato, disputa uma partida crucial nas suas aspirações de manutenção, ao receber o Desportivo de Chaves, enquanto a ronda fecha às 20:30, com a receção do Boavista ao Gil Vicente.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.