O presidente do Sporting de Braga, António Salvador, disse hoje à agência Lusa, em Toronto, que o clube minhoto presidente criar uma escola de futebol no Canadá.

"Queremos implementar aqui as escolas do Sporting Clube de Braga através do Arsenal do Minho", afirmou António Salvador.

O dirigente bracarense esteve em Toronto, durante o fim de semana, e marcou presença nas comemorações do 30.º aniversário do Centro Comunitário Arsenal do Minho, a filial número um do emblema da I Liga portuguesa.

António Salvador enalteceu a importância da criação das escolas de formação no Canadá, uma forma importante de divulgação do Sporting de Braga na América do Norte, "uma questão social e cultural, onde as crianças e os mais jovens possam ter o seu espaço de diversão de aprendizagem no futebol com as cores do Sporting Clube de Braga".

"Ainda não temos escolas de futebol fora de Portugal. Além de termos projetos de formação em Moçambique e em Timor-Leste. No Canadá não temos e pretendemos o mais rapidamente possível, com a colaboração do Arsenal do Minho, avançar para este projeto", acrescentou.

Quem também vê com bons olhos a construção de uma escola de futebol 'arsenalista' em Toronto é o presidente da Câmara Municipal de Braga, Ricardo Rio.

"Parece-me um projeto extremamente interessante. Por um lado, é uma forma de fortalecer a ligação com a comunidade portuguesa ligada ao próprio clube e à cidade. Para o Sporting de Braga é uma forma de ter uma lógica de perceção mais alargada de jovem talentos que depois possam vir a alimentar a sua equipa profissional", frisou.

O autarca destacou ainda o Centro de Formação Desportiva que está a ser construído pelo Sporting de Braga, com o apoio da Câmara Municipal, um exemplo como sucede no "futebol moderno com as grandes equipas".

"Esta rede de centros de prospeção a nível internacional são uma ferramenta muito importante para depois valorizar o trabalho que aí poderá ser desenvolvido", realçou.

O Centro de Formação Desportiva, orçado em 11 milhões de euros, terá a sua primeira fase, com o centro de formação de futebol, concluída em abril de 2017, enquanto a segunda fase, que pretende reaproveitar as inacabadas piscinas olímpicas contíguas ao Estádio Municipal de Braga, que serão reconvertidas num Pavilhão Multisusos, deverá estar concluída dentro de um ano.

Segundo a presidente do Arsenal do Minho de Toronto, Laurinda Araújo, para já a prioridade da filial número um do Sporting Braga é "adquirir uma sede própria", para depois "analisarem a criação de uma "escola de futebol".

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.