Depois do triunfo de sábado nos Açores, ante o Santa Clara, o Sporting tem já novo compromisso marcado para quarta-feira, na I Liga portuguesa, com a realização do encontro em atraso da 1.ª jornada, em casa, frente ao Gil Vicente, na altura adiado em virtude do surto de COVID-19 que afetou os plantéis das duas equipas.

Mas as notícias não são as melhores para Rúben Amorim, que irá ter de abordar esse encontro com várias baixas. Se o jovem defesa central Eduardo Quaresma é já baixa de longa data e ainda não pode dar o seu contributo à equipa esta temporada, três dos novos reforços para esta época também não deverão estar aptos a entrar em campo no encontro que tem arranque marcado para as 21h45 no Estádio José Alvalade.

Dois deles, João Mário e Bruno Tabata, ficam de fora por terem chegado ao Sporting depois de 19 de setembro, a data original para a qual estava marcado inicialmente o embate com o Gil Vicente. Isto porque o regulamento determina que, por essa razão, não podem ser opção. Tabata até se encontra lesionado, a recuperar de uma mialgia na coxa direita, tendo ficado de fora da visita ao Santa Clara, mas João Mário alinhou durante os segundos 45 minutos nos Açores.

O outro reforço a ficar de fora é Antunes, mas por outras razões. O veterano lateral esquerdo tem uma mialgia na zona posterior da coxa direita, segundo avança o jornal 'Record', que diz que o jogador não defrontará o conjunto de Barcelos, mas deverá estar apto para jogar, depois, com o Tondela no fim de semana, altura em que João Mário, pelo menos, também voltará a estar disponível, o mesmo se passando com Tabata, caso recupere do problema físico que o apoquenta.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.