O avançado Targino, do Vitória de Guimarães, autor de dois golos no triunfo sobre o Sporting, na segunda-feira, disse hoje que o segundo lugar na Liga portuguesa de futebol “não é nenhuma surpresa”.

“Tentamos cumprir o nosso objectivo e desde o início que demonstramos ter um grupo forte, pelo que [o segundo lugar] não é nenhuma surpresa para mim.

Agora temos de estar concentrados no nosso trabalho, vamos ter calma porque ainda é cedo e falta ainda muito campeonato”, afirmou.

Targino, que já não jogava no campeonato há mais de nove meses - depois de ter saído gravemente lesionado do embate com o Benfica, na Luz, a 30 de Janeiro - entrou aos 62 minutos, em Alvalade, quando o Vitória perdia por 2-0, mas em apenas dois minutos (78 e 80) empatou a partida, antes de Bruno Teles, aos 89, marcar o tento do triunfo minhoto.

“Foi uma noite de sonho, o Vitória realizou uma exibição em que ninguém acreditava e fiquei muito feliz por regressar e ajudar a equipa a conquistar os três pontos, foi muito emocionante, não estava a acreditar no que me estava a acontecer”, revelou o extremo de 24 anos.

Apesar do protagonismo, o jogador preferiu destacar a produção de todo o grupo: “foi espectacular, o herói é a equipa”, disse.

Targino lembrou que “foi difícil” recuperar de uma desvantagem de dois golos, que o segundo golo do Sporting – cuja bola não chegou a entrar – “revoltou” a equipa e deu “força para tentar dar a volta”, e admitiu que a expulsão de Maniche foi importante nessa reviravolta.

No sábado, o Vitória de Guimarães recebe o Sporting de Braga no sempre interessante ‘clássico’ minhoto e Targino garante uma equipa “super motivada e concentrada”.

“É sempre um jogo especial, o povo de Guimarães gosta destes jogos, mas vamos encará-lo de forma igual e com respeito, o Braga tem uma boa equipa, um grande treinador e pode-nos criar grandes dificuldades, mas vamos lutar para vencer e também temos as nossas armas”, disse.

Targino dedicou ainda os golos à sua família, aos vitorianos, ao departamento médico do clube, à direcção, aos colegas “e também aos jornalistas, que sempre deram um grande apoio”.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.