A tarja mostrada pelos Super Dragões no FC Porto - Sporting, da última jornada da I Liga da época 2018/2019, valeu uma multa de 1.500 euros aos 'dragões'.

A pena veio do Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol, que chegou a considerar enquadrar o delito no artigo 118.º do Regulamento Disciplinar (ofensa grave à imagem e bom-nome das competições) o que podia impor até três jogos de interdição aos 'portistas'.

Presidente do IPDJ critica tarja dos Super Dragões
Presidente do IPDJ critica tarja dos Super Dragões
Ver artigo

A ação dos adeptos acabou enquadrada no artigo 187.º (comportamento incorreto do público).

A tarja em causa mostrava vários árbitros, o primeiro-ministro António Costa e a juíza do caso E-Toupeira, Ana Peres, alinhados com a camisola do Benfica e com a legenda 'Campeões Nacionais 18/19'.

APAF repudia tarja dos Super Dragões: "FC Porto não se pode rever neste triste episódio"
APAF repudia tarja dos Super Dragões: "FC Porto não se pode rever neste triste episódio"
Ver artigo

De recordar que o Ministério Público abriu um inquérito sobre o caso. Os responsáveis podem vir a ser punidos com pena de prisão uma vez que a tarja visava órgãos de soberania.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.