Toni, antigo treinador e jogador do Benfica, considerou que o futuro de Bruno Lage à frente das 'águias' depende muito da relação que mantém com os jogadores.

Em declarações à Rádio Renascença, o antigo treinador considera que "de fora" não parece existir um afastamento entre o técnico e o plantel, mas que a existir será o fim de Lage no Benfica.

"É preciso saber se os jogadores perderam ou cortaram a confiança que existia entre eles e o treinador. Penso que se existir essa quebra de confiança, aí será o fim da linha, mas se essa ligação se mantiver pode haver espaço para Bruno Lage continuar", disse.

O antigo capitão 'encarnado' mostra-se ainda surpreendido com a rápida queda das 'águias'.

"Como é que um treinador nos seus primeiros 38 jogos como treinador principal do Benfica perde um jogo e empata outro, e depois entra num ciclo tão negativo quanto este (...)?", pergunta.

Contudo, Toni realça que a equipa continua a lutar pelo campeonato e pela Taça de Portugal, mas que é preciso "mostrar um querer e uma determinação e não atirar a toalha ao chão".

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.