Vlachodimos testou positivo à COVID-19 e é o mais recente jogador do Benfica infetado com o coronavírus, juntando-se assim a Svilar, Pizzi, Yaremchuk, Radonjic e Meité no lote de jogadores infetados nas águias.

Desta forma, o guarda-redes grego fica indisponível para a partida de domingo com o Paços de Ferreira, da 17.ª jornada da I Liga e, com Svilar igualmente ausente por motivos idênticos, o Benfica fica apenas com Helton Leite como único guarda-redes disponível no plantel principal.

Assim, os encarnados deverão ter como suplente no próximo jogo, domingo, pelas 18h00, um guarda-redes da equipa B. Recorde-se que os regulamentos, alterados em dezembro, ditam que os jogos terão de ser adiados se uma das equipas não tiver pelo menos 13 jogadores e um guarda-redes disponíveis.

Vlachodimos, de acordo com a edição online do jornal 'A Bola' encontra-se já em isolamento, aguardando ainda o resultado do teste PCR, que confirmará ou não o positivo à COVID-19 registado no teste antigénico.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.