No último minuto de descontos, a infelicidade abateu-se sobre Campinho que tentava aliviar a bola, em cima da linha de golo, e acabou por introduzi-la na própria baliza, isto depois do guarda-redes Marafona ter deixado escapar o esférico na sequência de um livre convertido por Kika.

O jogo que começou silencioso com um minuto em memória das vítimas do mau tempo na Madeira, rapidamente foi invadido pelos cânticos dos adeptos da casa a festejar o primeiro golo do Varzim. Mendes bateu um livre do lado direito do seu ataque e Gonçalo Abreu, oportuno de cabeça, atirou para o fundo da baliza de Tó Figueira.

Três minutos depois, os da casa desperdiçaram uma clara oportunidade para dilatar a vantagem, no entanto, Paulo Henrique não foi capaz de aproveitar o facto de Tó Figueira estar fora da baliza e atirou ao lado do alvo.

O Freamunde respondeu à passagem do minuto 27 através de Bock que, em contra-ataque, percorreu o corredor direito e, isolado na cara de Marafona, não desperdiçou e igualou a partida.

A igualdade durou pouco tempo, já que Bruno Moreira colocou de novo o Varzim na frente do marcador através da conversão de uma grande penalidade a castigar falta, na área, de Luis Pedro, que viu o segundo cartão amarelo e deixou o Freamunde em desvantagem numérica decorriam 36 minutos na primeira parte.

Jorge Regadas, treinador do Freamunde, a cumprir o terceiro castigo da época e que quando finalizar perfará o total acumulado de 100 dias sem se sentar no banco de suplentes e uma multa de 9200 euros, deu indicação, através de telemóvel, para duas substituições para a segunda metade do encontro. Lançou Tarcisio e Brandão para refrescar o meio campo e quase tirava dividendos, num lance em que Tracisio cruza para Cascavel, na grande área, atirar a raspar o poste direito da baliza do Varzim.

A melhor oportunidade de golo na segunda parte pertenceu então ao Freamunde e os da casa só criaram perigo já na ponta final. Aos 82 minutos, Paulo Henrique remata forte para um corte oportuno da defesa contrária.

O empate da partida surgiu já aos 93 minutos, o último dos descontos dado pelo árbitro Cosme Machado, quando Campinho introduziu a bola na própria baliza.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.