Os adeptos dos Palancas Negras, em Mbanza Congo(Zaire), pediram hoje, terça-feira, aos jogadores da selecção nacional de futebol uma atitude destemida e máxima concentração, quando defrontarem logo a tarde a sua congénere da RDC, no jogo referente à quarta 4ª jornada de acesso à fase final do CAN/2017, do Gabão.

Ouvidos pela Angop, os aficionados defenderam uma postura similar a apresentada no jogo da primeira volta, disputado no passado sábado, em Kinshasa, apesar da derrota por 1-2, e mais agressividade e eficácia nas acções de contra-ataque.

Os interlocutores aconselham os jogadores da selecção nacional a evitarem erros similares da partida anterior e a uma marcação cerrada dos adversários, de modo a se prevenir situações como aquela que originou o segundo golo dos Leopardos, no jogo de Kinshasa.

Acreditam que, com o público a lotar o Estádio Nacional 11 de Novembro e a puxar pelos Palancas Negras, a vitória pode sorrir para o conjunto angolano, que desta forma voltaria a liderar o grupo B desta fase de apuramento.

Para António Nzinga, 25 anos de idade, os jogadores angolanos deverão evitar a ansiedade e suportar a pressão vinda das bancadas, para que com jogo inteligente possam superar essa pderosa selecção do país vizinho.

Por sua vez, Neves Antunes, funcionário público, 30 anos de idade, espera que o atacante Love Cabungula seja titular nesta partida, por considerar que o jogador mostra-se inspirado em marcar golos, necessários para os objectivos pretendidos.

Pedro Salvador, estundante, 18 anos idade, considera importante que o colectivismo se sobreponha ao individualismo patenteado por alguns jogadores nas manobras de ataque na partida anterior.

Os Palancas Negras, com quatro pontos na terceira posição, jogam esta tarde frente aos Leopardos que ostentam seis pontos e ocupam o segundo posto neste apuramento para a fase final do CAN/2017.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.