Angola e Zâmbia jogam esta tarde em Luanda uma partida de caráter amigável. O encontro insere-se na preparação dos Palancas Negras para os próximos jogos de apuramento para o Mundial´2014, contra Uganda e Libéria, a serem disputados em junho.

Este será também o primeiro jogo do técnico Romeu Filemon, ele que substituiu Lito Vidigal no comando técnico da seleção angolana. Para este encontro Filemon irá contar apenas com dois jogadores que militam fora do país: Djalma do FC Porto e Mateus do Nacional da Madeira.

Do habitual leque de jogadores que constituíam o esqueleto dos Palancas Negras, sobreviveram cinco jogadores, dentre os quais Mateus Galiano, avançado do Nacional da Madeira, que já leva nos pés três campeonatos africanos (CAN) e um Mundial (Alemanha 2006).

Entre os mais novos, destaque para as estreias de Pirolito e Fissy (Interclube), Yano e Isaac (Progresso do Sambizanga), Ady (ASA), Edson (Recreativo da Caála), Mussumari, Carlitos, Chico Caputo e Landu (Recreativo do Libolo), JB, Mano e Kêmbua (Petro de Luanda).

A Zâmbia, campeã africana de futebol, também vai aproveitar para lançar alguns jovens. O selecionador zambiano, o francês Hervé Renard, promoveu várias estreias, entre eles M´Bola, jogador de 18 anos que milita nos juniores do FC Porto.

Filemon acumula o cargo de treinador do Petro de Luanda com o de selecionador de angola, até a Federação encontrar um técnico para ocupar o lugar de Lito Vidigal. Vários nomes já foram falados para o cargo, incluindo o do português Paulo Duarte, ex-selecionador do Burquina Faso.

O jogo está marcado para as 16h de hoje, no Estádio 11 de Novembro em Luanda.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.