O presidente da comissão de gestão da Federação Cabo-verdiana de Futebol (FCF), Mário “Donnay” Avelino, garantiu esta terça-feira que o Governo está determinado em apoiar a seleção de Cabo Verde no jogo deste sábado, 07, contra o Senegal, no Estádio Nacional.

Mário Avelino fez essas considerações depois de um encontro que manteve esta terça-feira com o ministro do Desporto, Fernando Elísio Freire, para lhe informar dos meandros logísticos e financeiros para esta partida contra o Senegal que pode levar Cabo Verde ao Mundial da Rússia, no caso de vencer as duas partidas nesta fase de apuramento.

“A FCF e o Governo estão de mãos dadas, estamos a montar minuciosamente esta operação contra o Senegal, para que não haja nenhuma falha em termos logísticos, porque é um jogo de alto nível e mexe também com os ânimos dos adeptos” notou este responsável que está a liderar a Federação Cabo-verdiana de Futebol até às eleições.

Segundo indicou, em termos de segurança estão a contar com o apoio do Ministério da Administração Interna, para que nada falte nesta partida com o Senegal, uma vez que este país conta com uma grande diáspora residente em Cabo Verde e por isso querem que tudo corra bem e seja um sucesso.

Esta partida com o Senegal conta para a 5ª jornada do Grupo D, que Cabo Verde lidera juntamente com Burkina Faso, ambos com seis pontos, seguido do Senegal, com cinco pontos e da África do Sul, com apenas um ponto.

A chegada da seleção do Senegal a Cabo Verde está prevista para 05 de Outubro e o jogo para o dia 07, às 16:30, no Estádio Nacional, na Cidade da Praia.

O egípcio Grisha Ghead foi o árbitro escolhido pela FIFA para dirigir o Cabo Verde – Senegal e será assistido por Redouane Achik, de Marrocos, e Waleed Ahmed Ali, do Sudão.

O papel do quarto árbitro estará a cargo do também egípcio Mohamed Maarouf Eid Mansour, tendo Jean Claude Labrosse das ilhas Seichelles sido designado para as funções de árbitro assessor, e Malek Ali, de Argélia, o comissário do jogo.

No outro jogo deste grupo a África do Sul recebe o Burkina Faso.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.