Zé Luis e Marco soarem estão de volta à seleção de futebol de Cabo Verde, depois de terem falhado o CAN2015 por problemas físicos. Os dois jogadores contaram ao SAPO Desporto como foi viver por fora as incidências da prova, onde os "tubarões azuis" não foram capazes de passar da fase de grupos.

"Custa sempre, mais ainda estando de fora e sentir que se podia estar lá com os colegas e ajudar" contou Marco Soares, ele que falou a prova por estar sem ritmo completivo. Situação diferente de Zé Luís que não entrou nos eleitos do CAN2015 por estar lesionado. O avançado já tinha falhado o CAN2013 mas por opção técnica.

"Vi todos os jogos e senti uma tristeza por não poder estar aí com os colegas a ajudar Cabo Verde mas ao mesmo tempo uma alegria muito grande por ver Cabo Verde representado ao mais alto nível no futebol africano. É uma mistura de sentimentos", sublinha o avançado.

O médio e o avançado estão prontos para dar o seu contributo a seleção de Cabo Verde frente a Líbia. Marco Soares diz que é preciso ir jogo a jogo mas elege Marrocos como o principal adversário.

Sobre o facto de o jogo com a Líbia ser a porta fechada e em campo neutro não retira responsabilidades aos "tubarões azuis", como contou Zé Luís. O avançado diz-se feliz na Rússia, onde tem ajudado a sua equipa, o Spartak Moscovo, com golos e assistências. Um momento de forma que dá ajuda o cabo-verdiano a ter mais confiança para os jogos da seleção.

No treino da tarde desta quinta-feira, destaque para a ausência de Ryan Mendes, autorizado a tratar de assuntos pessoais. Babanco saiu tocado mais cedo mas deverá estar apto para o encontro com a Líbia. Os jogadores treinaram situações de bola parada (cantos e penáltis) circulação da bola em espaço reduzido e movimentação tática.

A comitiva cabo-verdiana parte esta quinta-feira para Espanha onde irá permanecer um dia, antes da viagem para o Cairo, Egito, onde no domingo defronta a seleção da Líbia. Os "tubarões azuis" tem agendado ainda mais três treinos: um em Lisboa na manhã de quinta-feira, outro na sexta-feira em Barcelona o derradeiro no sábado no palco do jogo, no Cairo, Egito.

Cabo Verde estreou-se na qualificação para o CAN2017 com uma goleada de 7-1 frente a São Tomé e Príncipe.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.