Luís Filipe Vieira, presidente do SL Benfica, afina pelo mesmo diapasão que Pinto da Costa ao defender Carlos Queiroz e ao considerar que este caso não tem sentido nenhum. Para Luís Filipe Vieira, Carlos Queiroz queria apenas defender os interesses dos seus jogadores.

"A minha vida foi sempre pautada pela verdade e transparência e é isso que aqui vim fazer. A primeira conclusão que tirei é que este processo é verdadeiramente absurdo porque é algo que ninguém pode compreender, tem que se perguntar se isto aconteceria se Portugal tivesse chegado às meias-finais do Mundial 2010", disse o presidente do Benfica à saída da FPF.

Vieira foi convocado à sede da FPF como testemunha abonatória de Carlos Queiroz no processo disciplinar movido pelo Instituto do Desporto por alegadas ofensas do seleccionador a membros da Autoridade de Antidopagem. Vieira lembra o caso de Nuno Assis para criticar todo o processo.

"De tudo aquilo que ouvi, é completamente ridículo. Ao ponto a que isto chegou.Toda a gente sabe do caso Nuno Assis no Benfica, tentaram criar outro caso Nuno Assis para dar protagonismo a certas pessoas."

Para o líder encarnado o seleccionador nacional fez o que qualquer um no SL Benfica teria feito para defender os interesses do grupo.

"Carlos Queiroz não fez mais que defender os interesses dos seus jogadores. E eu tenho a certeza que eu faria o mesmo. Não só eu mas qualquer pessoa que estivesse a representar o SL Benfica em estágio", disse Vieira à saída da FPF.

 Sobre a continuidade de Carlos Queiroz à frente da selecção nacional, Luís Filipe Vieira volta a criticar a postura de alguns membros da FPF.

"Na FPF, as pessoas têm que ter a frontalidade de dizer que não querem o Carlos Queiroz mas que não caiam na tentação na vergonha que estão a fazer", finalizou o presidente do SL Benfica.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.