O selecionador português de futebol, Fernando Santos, anuncia ao início da tarde desta terça-feira os convocados para o arranque da qualificação para o Mundial2022, numa lista que inclui o estreante Nuno Mendes.

Para os primeiros jogos em 2021, diante de Azerbaijão, Sérvia e Luxemburgo, Fernando Santos chamou Nuno Mendes, que faz assim a sua estreia absoluta na Seleção A de Portugal.

O selecionador português de sub-21, Rui Jorge, deixou o lateral esquerdo de 18 anos de fora do Europeu da categoria. De fora ficaram Francisco Trincão e Rafael Leão, chamados aos sub-21, assim como Pedro Gonçalves, melhor marcador da I Liga, que ainda espera pela primeira chamada aos AA.

A convocatória de Rui Patrício era incerta mas o guarda-redes foi chamado, ele que saiu lesionado da partida do Wolverhampton com o Liverpool, depois de ter sido involuntariamente atingido por um colega na cabeça.

Em relação à última convocatória, em 05 de novembro de 2020, para os embates com Andorra, França e Croácia, os últimos dois para a Liga das Nações, também são novidades os regressados Cédric (Arsenal), e Pepe (FC Porto) na defesa.

No meio-campo, Fernando Santos deixou de fora William Carvalho e promoveu a estreia de João Palhinha, em destaque no Sporting.

No ataque, destaque para a entrada de André Silva, terceiro melhor marcador da Liga alemã e para a chamada de Rafa, que tinha falhado o último jogo.

No sentido inverso, foram excluídos os defesas Nelson Semedo (Wolverhampton), Rúben Semedo (Olympiacos) e Mário Rui (Nápoles), o médio William Carvalho (Betis) e os avançados Paulinho (Sporting) e Trincão (FC Barcelona), este último chamado na segunda-feira por Rui Jorge para o Europeu de sub-21.

A formação das ‘quinas’ concentra-se na segunda-feira. Quatro meses depois de ter encerrado a participação na Liga das Nações, com um triunfo na Croácia, em novembro, a seleção nacional vai estrear-se no Grupo A de apuramento para o Mundial2022 em 24 de março, em Turim, local escolhido para receber os azeris, face às restrições impostas pela pandemia da covid-19, em substituição do Estádio José Alvalade.

Segue-se a deslocação à Sérvia, em 27 de março, e a visita ao Luxemburgo, três dias depois, antes de uma interrupção de cinco meses na fase de qualificação, que apenas será retomada no início de setembro, devido à fase final do Euro2020, que foi adiado para este ano.

Os três jogos começam às 19h45 (hora de Portugal continental).

Para garantir uma oitava participação, e sexta consecutiva, no Mundial, cuja edição de 2022 se realiza entre 21 de novembro e 18 de dezembro, Portugal precisa de vencer o agrupamento, sendo que o segundo classificado jogará um ‘play-off’.

Eis os convocados

 - Guarda-redes: Anthony Lopes (Lyon, Fra), Rui Patrício (Wolverhampton, Ing) e Rui Silva (Granada, Esp),

 - Defesas: Cedric (Arsenal, Ing), João Cancelo (Manchester City, Ing), Domingos Duarte (Granada, Esp), José Fonte (Lille, Fra), Pepe (FC Porto), Rúben Dias (Manchester City, Ing), Nuno Mendes (Sporting) e Raphaël Guerreiro (Borussia Dortmund, Ale).

 - Médios: Danilo Pereira (Paris Saint-Germain, Fra), Palhinha (Sporting), Rúben Neves (Wolverhampton, Ing), Bruno Fernandes (Manchester United, Ing), Renato Sanches (Lille, Fra), João Moutinho (Wolverhampton, Ing) e Sérgio Oliveira (FC Porto).

 - Avançados: André Silva (Eintracht Frankfurt, Ale), Bernardo Silva (Manchester City, Ing), Diogo Jota (Liverpool, Ing), Cristiano Ronaldo (Juventus, Ita), João Félix (Atlético de Madrid, Esp), Pedro Neto (Wolverhampton, Ing) e Rafa (Benfica).

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.