O “capitão” da seleção portuguesa de futebol de sub-19, o médio Tomás Podstawski, alertou hoje para a qualidade da equipa da Geórgia, adversária de quarta-feira, na estreia na 42.ª edição do Torneio Internacional do Porto.
“É um adversário que tem um percurso muito positivo em todas as competições oficiais em que esteve presente”, observou o jogador, que também tem nacionalidade polaca, em declarações publicadas no sítio oficial da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) na Internet.
Podstawski lembrou que esta geração de futebolistas da Geórgia atingiu as meias-finais do Campeonato da Europa de sub-17 e, já na categoria de sub-19, afastou a Holanda no primeiro torneio de qualificação para a prova continental.
“Sabemos que vai ser um jogo com uma exigência muito elevada, mas jogamos em casa, num torneio internacional que ganhámos no ano passado e queremos continuar com essas vitórias. Estamos com vontade de ganhar”, assegurou.
O médio do FC Porto lamentou as ausências dos internacionais do Benfica que ainda não se juntaram aos trabalhos da seleção, porque disputaram na terça-feira a final da UEFA Youth League, a Liga dos Campeões do escalão, na qual perderam por 3-0 com o FC Barcelona.
Portugal defronta na quarta-feira a Geórgia no primeiro jogo no Torneio Internacional do Porto, com início às 17:00, no Estádio Municipal Dr. Vieira Carvalho, na Maia.
No outro jogo da prova, jogam uma hora antes, às 16:00, as seleções da Rússia e da República Checa, na Póvoa do Varzim.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.