A FIFA prolongou até ao final de 2012 o mandato da comissão para a saída da crise que impôs em abril à Federação de Futebol da Bósnia-Herzegovina (FSBIH), revelou hoje a agência AFP, citando um comunicado da federação balcânica..

«A Comissão Executiva da FIFA tomou a decisão de prolongar o mandato [da comissão de normalização], para lhe permitir fazer tudo o que está planeado com vista à organização de uma assembleia-geral eletiva, o mais tardar até 31 de dezembro de 2012», disse Eva Pasquier, uma das responsáveis da FIFA no local, citada no comunicado da FSBIH.

A comissão de normalização, dirigida pela lenda do futebol jugoslavo Ivica Osim, foi criada pela FIFA em abril e tem como responsabilidade fazer a FSBIH sair do impasse que valeu à Bósnia-Herzegovina ser suspensa como membro da FIFA e da UEFA entre o início de abril e o final de maio.

Este impasse chegou mesmo a ameaçar seriamente a participação do país na fase de qualificação para o Euiro2012.

Em finais de maio, a comissão conseguiu que a assembleia da FSBIH adotasse uns estatutos conformes aos da FIFA, nomeadamente impondo que o organismo passasse a ser liderado por um único presidente e não por uma presidência tripartida (sérvia, muçulmana e croata), à semelhança do Estado bósnio.

Dragan Kulina, membro da comissão de normalização, anunciou que a assembleia-geral eletiva deve realizar-se em 22 de novembro de 2012.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.