O comunicado da FPF, publicado na página oficial do organismo na Internet, prolonga o braço-de-ferro com o Real Madrid, que não autoriza Ronaldo a viajar para Portugal, alegando que a deslocação poderá agravar a lesão do avançado.

"Os jogadores que actuam em clubes espanhóis (excepto o atleta Miguel) juntar-se-ão ao estágio da selecção nacional na próxima quarta-feira, de acordo, aliás, com o regulamentado pelo organismo que tutela o futebol mundial", assinala a nota.

A FPF observa que "os atletas que chegarão na próxima quarta-feira serão submetidos a exames médicos que permitirão aferir da sua aptidão física para permanecerem no estágio", adiantando que "divulgará, oportunamente, os resultados dos testes clínicos efectuados".

A selecção portuguesa defronta a congénere da Bósnia-Herzegovina no próximo sábado, no estádio da Luz, em Lisboa, e na quarta-feira seguinte, em Zenica, em jogos dos "play-off" da zona europeia de qualificação para o Mundial2010, que se realiza na África do Sul.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.