“Sobre isso zero, zero”, disse à agência Lusa Laurentino Dias, no final da cerimónia inaugural do Campeonato Europeu de Remo, que decorre até domingo em Montemor-o-Velho.

O presidente da FPF, Gilberto Madail, anunciou hoje ter a direcção da Federação Portuguesa de Futebol decidido “resolver” o contrato de prestação de serviços com Carlos Queiroz, ao mesmo tempo que solicitou ao presidente da Assembleia Geral que desencadeie o ato eleitoral.

À chegada ao Centro de Alto Rendimento de Montemor-o-Velho e antes de ser conhecida a decisão da Federação Portuguesa de Futebol, o governante já tinha recusado comentar o processo que envolve Carlos Queiroz.

“Não farei nenhum comentário [sobre] seja o que for que a Federação decida hoje, amanhã ou depois. Faço-me entender?”, disse Laurentino Dias.

O secretário de Estado também recusou comentar as declarações do presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira - que acusou Laurentino Dias de ter o “objectivo nítido” de afastar o seleccionador nacional de futebol –, alegando que não é comentador desportivo.

“Pelas minhas palavras respondo eu, comentam as senhoras e os senhores [jornalistas], pelas palavras dos outros respondem os outros e comentam as senhoras e os senhores. Eu não sou comentador desportivo”, sublinhou.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.