A seleção portuguesa de futebol feminino venceu hoje a República da Irlanda, por 2-1, em partida da terceira e última jornada do Grupo C do 19.º Mundialito do Algarve, disputado no Estádio Algarve, em Faro.

Apesar do segundo triunfo na prova, com um “bis” de Ana Borges, aos sete e 74 minutos, entrecortado pelo golo de Louise Quinn (30), a seleção portuguesa terminou no segundo lugar do grupo, atrás do País de Gales, que hoje venceu a Hungria.

Depois da vitória sobre a Hungria (4-0), na passada sexta-feira, o selecionador de Portugal, António Violante, optou por fazer seis alterações no “onze” inicial, vendo uma das novidades, a guarda-redes Patrícia Morais, fazer uma grande defesa a um cabeceamento de Louise Quinn, logo aos seis minutos.

Portugal respondeu da melhor forma, logo no minuto seguinte, e chegou à vantagem, com Carla Couto a servir Ana Borges que, à saída da guarda-redes irlandesa, Emma Byrne, aplicou um “chapéu” perfeito.

Em desvantagem, a República da Irlanda assumiu o controlo da partida e “empurrou” as portuguesas para o seu meio-campo, sem contudo criar grandes ocasiões de golo.

Seria num lance de bola parada que a pressão irlandesa sairia premiada, à passagem da meia hora, com Louise Quinn a cabecear para o empate, sem marcação, no “coração” da área, na sequência de um pontapé de canto.

Depois da igualdade, a seleção portuguesa melhorou e surgiu mais vezes junto da baliza contrária, com Carolina Mendes a cabecear à figura (34) na melhor ocasião até ao intervalo.

O segundo tempo teve um arranque menos emotivo, à exceção de uma excelente defesa da guarda-redes portuguesa a uma tentativa de Fiona O'Sullivan (54).

Já com Portugal a controlar a partida, embora sem criar grande perigo, a irlandesa Megan Campbell atirou ao poste, na marcação de um canto, aos 68 minutos.

O ascendente português teve frutos aos 74 minutos, quando Sofia Vieira isolou Ana Borges e a jogadora do Prainsa Zaragoza (Espanha) correu para a baliza e, na "cara" de Emma Byrne, bisou na partida e deu a vitória à sua equipa.

Portugal vai na quarta-feira disputar com a China o encontro de atribuição dos nono e décimo lugares, no Estádio Algarve, às 10:15.

Jogo disputado no Estádio Algarve, em Faro.
Portugal - República da Irlanda, 1-1.
Ao intervalo: 1-1.

Marcadoras:
1-0, Ana Borges, 07 minutos.
1-1, Louise Quinn, 30.
2-1, Ana Borges, 74.

Equipas:
- Portugal: Patrícia Morais, Carole Costa, Kimberly Brandão, Filipa Patão, Regina Pereira (Sónia Matias, 90+2), Cláudia Neto, Tita (Melissa Antunes, 66), Sofia Vieira, Ana Borges (Andrea Rodrigues, 85), Carolina Mendes (Laura Luís, 80) e Carla Couto (Ana Leite, 75).
(Suplentes: Neide Simões, Jamila Marreiros, Sílvia Rebelo, Filipa Rodrigues, Sónia Matias, Mélissa Antunes, Patrícia Gouveia, Laura Luís, Andrea Rodrigues e Ana Leite).
- República da Irlanda: Emma Byrne, Sophie Perry, Niamh Fahey, Louise Quinn, Grace Murray (Megan Campbell, 42), Ciara Grant, Dora Gorman (Marie Curtin, 46), Denise O'Sullivan (Shannon Smyth, 76), Julie Ann Russell, Sara Lawlor (Fiona O'Sullivan, 44) e Michelle O'Brien (Aine O'Gorman, 46).
(Suplentes: Eve Badana, Megan Campbell, Kerrie Ryan, Marie Curtin, Aine O'Gorman, Fiona O'Sullivan, Emma Mullin, Shannon Smyth e Ruesha Littlejohn).

Árbitra: Marie-Josée Charbonneau (Canadá).
Ação disciplinar: Cartão amarelo para Sara Lawlor (20), Ciara Grant (35), Niamh Fahey (84) e Kimberly Brandão (90+2).
Assistência: Cerca de 200 espectadores.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.