Roberto Martínez, selecionador nacional, falou em conferência de imprensa depois de ter feito o anúncio da convocatória para os jogos frente à Bósnia e Islândia, a contar para a qualificação para o Europeu.

Sobre a renúncia de João Mário: "O nosso estágio em março foi muito bom. O ambiente foi positivo. Temos de respeitar o João Mário. É de um profissionalismo exemplar. É uma decisão pessoal. Temos de respeitar e guardar as memórias do João Mário. Ele foi campeão europeu, fez 56 partidas com a seleção A. Não é uma situação negativa, é natural. É uma decisão pessoal."

João Mário estava nesta convocatória? "João Mário fazia parte da nossa convocatória. Temos uma boa relação com o Benfica. O João ligou aos nossos diretores. Não falei com ele, ainda, mas vou falar com ele de uma forma natural. Vou agradecer-lhe. É uma situação natural."

João Mário estava descontente por não jogar: "A decisão dele não foi pelo que aconteceu em março. Todos os jogadores querem jogar todos os minutos. Não quero jogadores contentes por não jogar. A competitividade é alta. Não é um debate, temos de aceitar. João Mário jogou muitos anos na seleção, não é de agora. Todos querem jogar, mas não acho que seja por causa do estágio de março."

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.