O secretário de Estado da Juventude e do Desporto acusou hoje o ex-seleccionador português de futebol de «reincidência na ofensa e má-criação» em resposta às suspeições de ingerência governamental no processo disciplinar instaurado àquele treinador.

«Isto são os factos, tudo mais é uma novela, ficção. Revela reincidência na ofensa e má-criação, que me custam a entender vindas de quem foi seleccionador nacional de futebol e licenciado na área da Educação Física e, por isso, professor. Deveria ter, como eu e outros responsáveis, cuidado, contenção, urbanidade e civismo, sobretudo respeito e educação, quando se refere a outras pessoas e situações amplamente divulgadas na Comunicação Social», disse Laurentino Dias.

À margem da inauguração do Centro de Alto Rendimento para a natação, em Rio Maior, o responsável governamental aproveitou para se distanciar do «diálogo» entre Queiroz e o internacional português Pepe, sublinhando respeitar a decisão do Tribunal Arbitral do Desporto (TAS), favorável ao antigo técnico da «equipa das quinas», mas defendeu ter-se limitado a cumprir a sua «obrigação», perante o relato com que foi confrontado, e frisou que «o acórdão (do TAS) não tem nenhuma referência, mesmo que leve, a qualquer tipo de interferência governamental».

Queiroz foi ilibado na passada semana pelo Tribunal Arbitral do Desporto (TAS) das acusações de perturbação de um controlo realizado pela Autoridade Antidopagem de Portugal (ADoP), durante o estágio para o Mundial2010, após ter sido suspenso por seis meses por aquela entidade, sob a tutela do Instituto do Desporto de Portugal e da Secretaria de Estado da Juventude e do Desporto.

Na justiça civil corre ainda outro processo, instaurado pelo antigo seleccionador, por difamação e falsificação de documentos no âmbito do processo disciplinar de que foi alvo, depois de já ter sido condenado a três meses de suspensão pelo organismo disciplinar da FPF devido a declarações que visaram o vice-presidente Amândio de Carvalho.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.