Continua envolto em mistério o futuro de Carlo Ancelotti no Nápoles. O treinador italiano interrompeu uma série de nove jogos sem vencer, ao ver o seu Nápoles golear o Genk por 4-0 e seguir para os 'oitavos' da Liga dos Campeões.

"Foi uma das poucas satisfações dos últimos meses, também por nossa culpa. Mostrámos que somos competitivos na Europa, algo que não fizemos na Serie A", disse o técnico à 'Sky Sports'.

Mas nem esta vitória e apuramento para os 'oitavos' da Champions poderá salvar-lhe a 'pele'.

"Não sei se sábado ainda estarei no banco, espero que sim, mas vou falar com o presidente De Laurentiis, veremos isso amanhã. É uma decisão que o clube e a direção têm de tomar", disse o italiano à 'Sky Sports'.

A decisão sobre o seu futuro terá de ser tomada pelo polémico presidente do Nápoles já que, por parte de Ancelotti, nem se coloca a hipótese de sair pelo próprio pé.

"Demitir-me? Não, nunca o fiz e nunca o farei", garantiu.

O técnico italiano tem sido bastante contestado pelos resultados caseiros, já entrou em rota de colisão com o problemático presidente, Aurelio De Laurentiis, num ambiente de 'cortar a faca', com os jogadores e a direção de costas voltadas.

Os napolitanos terminam no segundo lugar do grupo com 12 pontos, menos um que o Liverpool. O Salzburgo, com sete, foi relegado para a Liga Europa, o Genk está fora das provas da UEFA.

O Nápoles é 7.º na Liga Italiana, com 21 pontos em 15 jogos. A equipa já está a 17 pontos do líder, Inter Milão.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.