O defesa Giorgio Chiellini anunciou hoje a despedida da Juventus no fim da época, aos 37 anos e após conquistar 19 troféus pelo clube, que hoje perdeu a final da Taça de Itália de futebol com o Inter.

"Estou feliz por sair este ano, para dar espaço aos mais jovens. É a minha escolha, estou a fazê-lo com grande serenidade”, garantiu, minutos após a Juventus ser derrotada, no prolongamento, por 4-2.

Assim, Chiellini vai despedir-se dos adeptos Juventus, que representa desde 2005, na segunda-feira, em casa na receção à Lazio.

Já o abandono da seleção, campeã da Europa, mas que falhou o apuramento para o Mundial2022 do Qatar, acontecerá num particular em 01 de junho.

Chiellini ainda não decidiu se vai deixar definitivamente o futebol ou se terá uma última experiência, fora do país.

“Não sei, tenho de avaliar o assunto com a minha família”, disse.

Pela ‘vecchia signora’, Chiellini conquistou nove campeonatos de Itália, cinco Taças e outras tantas Supertaças.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.