O internacional português Cristiano Ronaldo, que está na Madeira à espera de novidades sobre a situação em torno do coronavírus, deixou na tarde desta sexta-feira uma mensagem na rede social Instagram sobre a pandemia.

"O mundo está a passar por um momento muito difícil que requer toda a nossa atenção e cuidado. Falo convosco hoje não como jogador, mas como filho, pai, e ser humano preocupado com os mais recentes desenvolvimentos que têm afetado o mundo inteiro. É importante que todos sigamos as recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS) e das restantes autoridades sobre como devemos lidar com esta situação. Proteger as vidas humanas deve vir acima de todos os outros interesses. Gostaria ainda de enviar os meus pêsames a todos os que perderam alguém, a minha solidariedade aos que estão a lutar contra o vírus, como o meu colega de equipa Daniele Rugani, e o meu apoio contínuo aos fantásticos profissionais da área da saúde que colocam em risco as suas próprias vidas para salvar a dos outros", pode ler-se na publicação do jogador da Juventus.

Na Região Autónoma da Madeira, não há registo de qualquer caso de infeção por Covid-19, mas o secretário da Saúde indicou que há "quase uma centena de pessoas" que estão a ser acompanhadas de acordo com as regras previstas.

A pandemia de Covid-19 foi detetada em dezembro, na China, e já provocou mais de 4.500 mortos em todo o mundo.

O número de infetados ultrapassou as 124 mil pessoas, com casos registados em 120 países e territórios, incluindo Portugal, que tem 78 casos confirmados.

A Itália é o caso mais grave depois da China, com mais de 12.000 infetados e pelo menos 827 mortos, o que levou o Governo a decretar a quarentena em todo o país.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.